O Corinthians é o adversário do Cruzeiro na decisão da Copa São Paulo de Futebol Júnior. A equipe paulista contou com o apoio de mais de 34 mil torcedores, na Neo Química Arena, para superar o Novorizontino, no fim da noite desta segunda-feira (22), por 3 a 0. O Timão, maior vencedor do torneio, com 10 títulos, volta a uma final de Copinha após cinco anos.

A partida começou num ritmo forte e com as equipes tentando o gol com chutes de longa distância. A primeira chegada do Corinthians foi assim, mas o gol sairia em uma bela jogada individual. Aos 19 minutos, Kayke passou por dois marcadores e cruzou rasteiro para Arthur Sousa, que de letra, fez um golaço para o Timão.

O gol não intimidou o Tigre, que buscou o empate durante todo o primeiro tempo. Já no fim da primeira metade do jogo, o meia Galo, em cobrança de falta de longa distância, acertou o travessão do gol defendido por Felipe Longo. No mesmo lance, a bola sobrou para o atacante Canela, que, de cabeça, acertou novamente a trave corintiana.

Com a vantagem no placar, o Corinthians voltou para a segunda etapa tranquilo e buscando ampliar o marcador. Mais uma vez brilhou a estrela de Arthur Sousa, que recebeu um cruzamento de Vitor Meer, dominou no peito e fuzilou no canto para marcar o segundo dele na semifinal.

O golpe final veio dos pés dele novamente. Após grande jogada de Bidon pela direita, o camisa 9 do Timão completou seu hat-trick no jogo e definiu o placar da partida.

Com a vitória, o Timão encara o Cruzeiro na decisão, que mais cedo venceu o Flamengo, por 2 a 1, na Arena Barueri. As equipes se enfrentam na próxima quinta-feira (25), em horário e local ainda não definidos pela Federação Paulista de Futebol.

próximo artigoFiocruz: vacinas protegem crianças de covid longa, infecção e morte
Artigo seguintePronto para estrear, Fabinho explica escolha pelo América