Foto: Reprodução

O atual sistema de estacionamento rotativo de Coronel Fabriciano voltou, esta semana, a ser motivo de muita discussão. Recentemente, o Faixa Azul passou a ter o apoio da Polícia Militar e, desde então, a fiscalização nas ruas àqueles veículos estacionados em desacordo com a legislação municipal aumentou consideravelmente. Um bom número de automóveis guinchados e o maior efetivo da PM de trânsito nas ruas estão, segundo os comerciantes do município, afastando os consumidores das lojas.

“Carros e motos multados, e até guinchados, em pleno mês de Natal. Não entendemos o porquê de se aumentar o rigor logo agora, na melhor época do ano para o comércio. Há um grande número de lojistas indignado e cobrando explicações, pois afirmam que a nova forma de operar do estacionamento rotativo está espantando muitos consumidores. Estamos sem entender o que está acontecendo”, reclamou um empresário que pediu para não ser identificado.

Por sua vez, o capitão Alex, da Polícia Militar, esclarece que, até maio deste ano, a fiscalização no trânsito de Fabriciano era competência do município. Porém, foi firmado um convênio com o Estado, e a PM foi chamada a intervir. “Criamos a Patrulha de Trânsito e começamos a fiscalizar as ruas. O que estava acontecendo, na verdade, era um total desrespeito às leis, pois como não havia uma vigilância, as pessoas estacionavam deliberadamente em fila dupla, nas vagas de idosos, de deficientes e até em pontos de ônibus”, explica o oficial.

Alex lembra que a implantação de estacionamento rotativo nos municípios é uma das previsões do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Parar o carro nas ruas de Fabriciano sem obedecer às diretrizes do Faixa Azul é o mesmo, segundo o capitão, que estacionar em desacordo com a regulamentação especificada pela sinalização comum. “Ressalto que estava havendo muito desrespeito no trânsito de nossa cidade: alguns veículos acumulavam mais de 200 notificações do Faixa Azul. Os motoristas não se preocupavam em pagá-lo, pois ninguém fiscalizava”, reforça.

Veículos guinchados

O capitão da PM informa, também, que foram 10 veículos guinchados esta semana no trânsito do Centro da cidade. “Todos estacionados em desacordo com a legislação e, pior, sequer estavam devidamente licenciados e, por isso, foram removidos”, revela. Por último, o oficial admite que há, sim, muitas reclamações por parte dos comerciantes de Fabriciano. “Quem tem a concessão para administrar o Faixa Azul é a Associação Comercial. Se há alguma reinvidicação a ser feita, os lojistas devem procurar a entidade. Mas o que a gente percebe, ainda, é que muitos dos comerciantes indignados chegam cedo para trabalhar e ocupam a vaga de seus clientes nas ruas. Param na porta das lojas e ficam o dia inteiro. Não seria interessante estacionar em uma rua mais afastada e deixar essa vaga para o consumidor?”, questiona o policial.

Sindcomércio

O setor jurídico do Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Bens e Serviços (Sindcomércio) do Vale do Aço está colhendo as reclamações dos empresários da cidade e ainda ouvirá os responsáveis pelo Faixa Azul, bem como a Polícia Militar. “Estamos estudando se há algo que possa ser feito, de maneira que não haja prejuízo ao comércio e à população. Em breve, vamos marcar uma reunião com o empresariado da cidade e os atores envolvidos para tentar esclarecer tudo que está acontecendo”, informa o presidente da entidade, José Maria Facundes.

Outras reclamações   

O atual sistema de estacionamento rotativo de Fabriciano passou por mudanças no final de 2015. Uma das principais reclamações nos últimos três anos diz respeito ao pequeno número de agentes do Faixa Azul nas ruas. Lojistas sugerem, também, que seja concedido desconto a quem comprar o ticket do Faixa Azul com antecedência. Outra reivindicação é com relação ao tempo de carência sem pagamento do estacionamento rotativo, que seja dilatado de 10 para 30 minutos.

Fonte: Sindcomércio

próximo artigoFabriciano recebe 12 médicos do Programa Mais Médicos
Artigo seguinteFeiríssima comemora 1 ano
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários