Cardiologista da Fundação São Francisco Xavier orienta sobre priorizar um momento para os cuidados com o bem-estar físico e mental.

Durante as férias, muitas pessoas aproveitam para descansar, relaxar e se divertir. Contudo, esse tempo de folga pode ser uma excelente oportunidade para priorizar a saúde. Muitos optam por realizar o “check-up de férias”, focando no cuidado do bem-estar físico e mental enquanto desfrutam do merecido descanso. Essa prática engloba avaliações médicas e de outros profissionais da saúde, exames preventivos e atenção aos cuidados pessoais, proporcionando uma visão abrangente do estado de saúde.

Segundo especialistas, dedicar-se à saúde durante as férias vai além de uma simples tendência, sendo uma medida inteligente. O médico cardiologista do Hospital Márcio Cunha, administrado pela Fundação São Francisco Xavier, Milton Henriques Guimarães Júnior, ressalta que, por meio de consulta e de exames básicos, é possível diagnosticar doenças, possibilitando tratamentos iniciais para inúmeras patologias, contribuindo para uma vida mais saudável e de melhor qualidade. “A prevenção a doenças e os cuidados básicos começam por mudanças de hábitos como o não tabagismo e a prática de atividade física. É de grande importância o controle do peso, sendo que hoje a obesidade é entendida como uma doença crônica, relacionada ao surgimento da hipertensão arterial, do diabetes, da insuficiência cardíaca e do câncer”, destaca o médico.

Ainda segundo o cardiologista, outros elementos básicos que contribuem para uma boa saúde são o controle da pressão arterial, níveis de glicemia (açúcar no sangue) e níveis de colesterol. Manter a pressão arterial próxima a 120x80mmHg é fundamental para prevenir doenças cardiovasculares, especialmente o Acidente Vascular Cerebral (AVC), Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), insuficiência cardíaca e doenças renais. A recomendação é que pessoas a partir de 35 anos que apresentem fatores de risco, como obesidade ou diabetes, busquem avaliação médica, de maneira individualizada para traçar uma estratégia de diagnóstico, tratamento e prevenção.

Para a prevenção das doenças oncológicas, há recomendações específicas. Para as mulheres a partir dos 40 anos, a Sociedade Brasileira de Mastologia recomenda a mamografia anual, visando ao diagnóstico precoce e à redução da mortalidade por câncer de mama. As doenças infecciosas também são preveníveis por meio da vacinação. A pneumonia, por exemplo, pode ser evitada com a imunização contra a gripe, a vacina contra pneumococo (uma das principais bactérias que causam essa doença) e a vacina contra o coronavírus.

O cardiologista ainda destaca a importância de repensar a saúde nesse período de férias. “O médico de referência, além dos outros profissionais de saúde como enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, psicólogos, são as referências nesse momento de revisão sobre a saúde. Assim é possível retornar à rotina com a sensação de ter feito algo valioso por si mesmo”, orienta o cardiologista.

próximo artigoMenina de 10 anos morre atropelada por ônibus em estacionamento de resort em MG
Artigo seguintePrefeito Gustavo Nunes vistoria obra de pavimentação em mais uma rua do bairro Vila Celeste