Foto: Reprodução

A Câmara de Timóteo sofreu um furto nesta semana. Os funcionários do gabinete da Presidência deram falta de dois notebooks logo de manhã, nessa quarta-feira (26). A Polícia Militar foi acionada para apurar os fatos ocorridos. Alguns funcionários da Casa Legislativa foram ouvidos, bem como a perícia do local foi realizada no intuito de descobrir pistas do acontecido. Um Boletim de Ocorrência foi feito e agora o furto será investigado pelas autoridades.

O presidente da Câmara, Adriano Alvarenga, lamenta o fato, mas diz acreditar no trabalho desenvolvido pela Polícia Militar e Polícia Civil de Timóteo. “Não acreditamos que o furto tenha sido praticado por algum funcionário da Câmara, mas ficamos muito chateados com esta situação. Temos plena certeza que a Polícia Militar e a Civil vão investigar e fazer a lei ser aplicada neste caso, pois acompanho o trabalho do major Werner e do delegado Jorge Cladeira e sei que se empenharão também em resolver este caso.”

próximo artigoPrefeito sanciona lei que garante ampliação do Fórum de Ipatinga
Artigo seguinteComissão técnica do São Paulo se reúne para discutir planejamento
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários