Homem foi preso após ser reconhecido pela vítima e pelo motorista — Foto: Pixabay

Motorista percebeu que a vítima não estava bem e a levou para o hospital

Um homem de 53 anos foi preso suspeito de estuprar a sobrinha, de 12, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, em Minas Gerais, nesse domingo (21 de janeiro). A menina foi colocada em um carro de aplicativo logo na sequência, porém o motorista percebeu que ela não estava bem e a levou para o hospital.

O motorista contou que passava pela Vila Alpina quando foi abordado pelo suspeito. O homem o perguntou se poderia deixar a adolescente na casa da avó dela e diante da confirmação, foi combinado o valor e feito o pagamento. O suspeito recomendou que a menina fosse deixada somente com a familiar.

Durante o trajeto, o motorista percebeu que a menina estava sonolenta. Ao perguntá-la sobre o que estava acontecendo, a adolescente contou que o tio a levou até a casa dele, pagou um lanche e a estuprou. Após o crime, o tio deu R$ 44 para a sobrinha. Diante do relato da menina, o motorista foi até o hospital.

A vítima foi atendida pela equipe médica e a Polícia Militar (PM), além do Conselho Tutelar foram acionados para o registro do caso. O motorista repassou o nome do suspeito para os agentes e ele acabou sendo encontrado. Ele negou o crime, mas foi reconhecido pela vítima e pelo motorista. O homem foi preso em flagrante e levado para a Delegacia de Plantão de Juiz de Fora.

próximo artigoSaiba como se proteger de raios durante tempestades
Artigo seguinteSTJ autoriza plantio de cannabis para fins medicinais em dois casos