Sérgio Coelho tomou posse do segundo mandato como presidente do Atlético na noite desta terça-feira (2), em cerimônia realizada na sede administrativa do clube em Lourdes, Belo Horizonte. Márcio André de Brito será o vice do Galo ao lado de Sérgio pelos próximos três anos.

Muito aplaudido pelos conselheiros e convidados presentes na reunião, Sérgio Coelho fez um discurso exaltando o primeiro mandato no Galo, citando os títulos conquistados pelo time masculino profissional. Além disso, o mandatário parabenizou a gestão da SAF.

“Cumprimos com tudo que prometemos. Fechei a gestão como o presidente que mais conquistou títulos oficiais pelo Galo em um único mandato. Foram seis no total, além do reconhecimento do título brasileiro de 37. Entregamos um clube mais organizado com o grupo que faz a gestão da SAF do Galo”, disse o presidente.

A chapa Vencer, Vencer, Vencer foi eleita pelo Conselho Deliberativo do Atlético em 12 de dezembro de 2023 com 219 votos favoráveis e um nulo. Sérgio Coelho não teve concorrência nesta eleição pelo Galo, assim como no pleito de 2020.

Márcio André foi o escolhido para ocupar a cadeira da vice-presidência após José Murilo Procópio, vice de Sérgio nos últimos três anos desistir da reeleição. Agora, Márcio terá a primeira “grande responsabilidade” no Atlético.

Instituto Galo 

Além da presidência do Atlético, o Instituto Galo também oficializou uma mudança na noite desta terça-feira. Como Márcio André era o vice-presidente da entidade, o clube escolheu Walter Fróes como vice. O atleticano também tomou posse na solenidade. A atual presidente Maria Alice Coelho continua no cargo do IG para os próximos três anos.

próximo artigoGleisi critica Haddad por tratar da sucessão de Lula e rebate ironia
Artigo seguinteÍdolo do Cruzeiro brinca sobre chegada de reforços: “segredo é alma do negócio”