O técnico do Cruzeiro, Nicolás Larcamón, enalteceu a “energia e a força” do time no primeiro jogo da temporada, em que venceu o Villa Nova no estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima. A Raposa fez 2 a 1 no Leão do Bonfim, na noite desta quarta-feira (24/1), pela rodada de abertura do Campeonato Mineiro.

“O rendimento não foi consistente, temos pouco tempo de trabalho, mas houve momentos em que nos aproximamos da proposta de jogo que queremos ter. Temos muito a melhorar, mas gostei da energia e da força da equipe até o último minuto. Isso é importante”, avaliou o comandante estrelado.

A presença do lateral-direito Helibelton Palacios entre os titulares chamou a atenção. O colombiano atuou como zagueiro pela direita, numa linha formada, também, por Neris (centralizado) e Marlon (pela esquerda).

O treinador explicou a escolha pelo estrangeiro, em vez de um atleta da posição, como Zé Ivaldo. “Nesta semana, o Palacios foi o jogador que mais energia transmitiu nos treinos. Ele trabalhou no time reserva e foi bem, inclusive no treinamento mais importante da semana, sabendo que, hoje, a posição está aberta”, disse.

“Temos jogadores de ofício, como o Zé Ivaldo, que é a opção principal, mas a escalação do Palacios foi um prêmio e uma mensagem para o grupo, de que é importante trabalhar durante a semana”, destacou.

próximo artigoTCU suspende licitação de R$ 1,4 bilhão da Fiocruz
Artigo seguinteDe olho no título, América começa caminhada no Mineiro contra o Pouso Alegre