Foto: Reprodução/Cruzeiro

Os jogadores do Cruzeiro se reapresentaram na tarde desta última quarta-feira (28), na Toca da Raposa II. O time iniciou a preparação para o último embate do ano, contra o Bahia, domingo, Estádio de Pituaçu, em Salvador.

Um dos que podem fechar o ano com chave de ouro é o uruguaio De Arrascaeta. Com 15 gols marcados no ano, o camisa 10 lidera a artilharia celeste em 2018, além, é claro, de ter ido à Copa do Mundo e marcado gols decisivos nas duas finais conquistadas pela equipe: Campeonato Mineiro e Copa do Brasil.

“Sem dúvida que foi um grande ano para mim. Em 2016, tive também um grande número de assistências, muitos gols, mas não ganhei títulos. Então coloco esse ano por cima. Pelas metas pessoais, pelos títulos que ganhamos, Copa do Brasil e Mineiro. Também pela experiência da Copa do Mundo, esse ano foi especial”, declarou o uruguaio.

“Foi um ano positivo para nós. Voltar a ganhar Copa do Brasil, Campeonato Mineiro, mostramos que fomos um time muito forte em momentos que duvidaram da gente. Respondemos de forma positiva e fico feliz por esse ano”, complementou.

Já pensando na próxima temporada, De Arrascaeta – que nesta quarta-feira recebeu o prêmio de gol mais bonito da Copa do Brasil, o da final contra o Corinthians – falou sobre a importância dos torneios a serem disputados pela Raposa em 2019 e reiterou seu desejo de mais conquistas com a camisa estrelada.

“Sem dúvida, vai ser tão importante a Libertadores quanto Copa do Brasil, Brasileiro também. São grandes torneios. Quero seguir no elenco e ajudar o time como venho fazendo a cada ano”, finalizou.

Foto: Reprodução/Cruzeiro
próximo artigoFabriciano é contemplado com recursos para investir em iluminação dos prédios públicos
Artigo seguinteAulas de natação podem evitar afogamentos, mas limites devem ser respeitados
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários