Fotos: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

Preparado para mais uma batalha com a camisa do Cruzeiro, e confirmado por Mano Menezes, o goleiro Rafael vive a expectativa de jogar sua partida de número 106 pelo Clube. Ciente de que o treinador vai mandar ao Rio de Janeiro uma equipe alternativa, o arqueiro celeste quer aproveitar a oportunidade para colocar o Cruzeiro novamente na parte de cima da tabela. Para isso, a equipe precisará superar o Vasco, neste domingo, às 16h, em São Januário.

“Com a sequência de jogos o Mano vai rodar muita gente, vai dar oportunidade para muitos estarem em campo. Fico feliz de mais uma vez estar em campo e poder ajudar o Cruzeiro. Tenho certeza que no Rio de Janeiro vamos estar com a cabeça tranquila e que vamos voltar a pontuar, atingindo os 40 pontos e mirando o topo da tabela”, declarou o goleiro.

Na nona posição do campeonato, porém com um jogo a menos que os demais clubes, Rafael aposta sim em uma arrancada do Cruzeiro na reta final da competição.

“Temos de pensar em arrancada no Brasileiro, sim. Claro que, com excesso de jogos em sequência, você acaba mudando muito o time por conta do desgaste e isso atrapalha o entrosamento. Jogar no Rio, contra o Vasco, é sempre muito difícil. E vai apertar ainda mais por conta do final do Campeonato. Todo mundo briga por alguma coisa. O interesse da vitória é de ambas as partes.Com certeza vamos buscar os três pontos. Será de forma organizada, mas buscando o resultado o tempo inteiro”, disse Rafael.

Outro jogador confirmado por Mano Menezes é o centroavante Fred. Ele iniciará uma partida após seis meses devido à lesão no joelho. Totalmente recuperado e apenas buscando ritmo de jogo, Rafael aposta que o camisa 9 que em breve ele estará no auge da forma física e vai ajudar muito o Cruzeiro nesta reta final.

“Fred está preparado, já vem treinando há mais de um mês, esta melhor fisicamente que no início do ano. E mesmo quando estava machucado era um líder, contribui diariamente para a nossa equipe. Logo estará marcando os gols novamente”, finalizou.

próximo artigoAtlético Mineiro: Tomás Andrade e Leandrinho disputam vaga
Artigo seguinteEleições 2018: 20% dos candidatos ao Senado tiveram 1% dos votos