Galo estreia na competição nesta quinta-feira (4/1), às 19h, contra o Caracas, na Venezuela

O Atlético começa nesta quinta-feira (4/1) a caminhada na Copa Libertadores contra o Caracas, às 19h, na Venezuela. Essa será a 14ª participação do Galo na competição. O time vai em busca do segundo troféu, já que conquistou o título em 2013.

A primeira participação alvinegra na competição foi em 1972. Na época, o Galo entrou na disputa com o time base que venceu o Campeonato Brasileiro de 1971, com Telê Santana à frente do banco de reservas e Dadá Maravilha no comando de ataque.

Apesar do super time que encantou o Brasil no ano anterior, o Atlético não passou da 1ª fase. Foram cinco empates e uma derrota: Atlético 2 x 2 São Paulo, Atlético 1 x 1 Cerro Porteño-PAR, Atlético 0 x 0 Olimpia-PAR, São Paulo 0 x 0 Atlético, Olimpia-PR 2 x 2 Atlético, Cerro Porteño-PAR 1 x 0 Atlético.

Na sequência, em 1978, o time atleticano foi eliminado nas semifinais do Torneio após disputa de um triangular contra River Plate e Boca Juniors, ambos da Argentina. Já em 1981, o Galo caiu na fase de grupos naquele jogo vencido pelo Flamengo por W.O.

O embate entre Galo e Urubu valia vaga para a próxima fase. Aos alvinegros, só vitória interessava, mas a partida não saiu do 0 a 0 e nem terminou. Após arbitragem polêmica de José Roberto Wright, o jogo foi encerrado com 37 minutos porque ele expulsou cinco atleticanos.

Anos mais tarde, em 2000, a torcida alvinegra viu um rival atravessar o caminho do Atlético duas vezes seguidas em dois grandes campeonatos. O mesmo Corinthians, campeão brasileiro diante do Galo, em 1999, eliminou os mineiros nas quartas de final da Libertadores daquele ano.

Glória eterna

Em 2013, o Galo voltou a disputar a Libertadores e conquistou a glória eterna. Com o meia Ronaldinho Gaúcho, astro mundial, a equipe foi campeã após vencer o Olimpia, do Paraguai. Após perder o jogo de ida por 2 a 0, o time repetiu o placar na volta e foi campeão nos pênaltis (4 a 3).

Veja o retrospecto do Galo na Libertadores

  • 1972 – 1ª fase  
  • 1978 – semifinais 
  • 1981 – fase de grupos 
  • 2000 – quartas de final 
  • 2013 – campeão
  • 2014 – oitavas de final 
  • 2015 – oitavas de final 
  • 2016 – quartas de final 
  • 2017 – oitavas de final 
  • 2019 – fase de grupos 
  • 2021 – semifinal 
  • 2022 – quartas de final 
  • 2023 – oitavas de final 
próximo artigoMineirão entupido: Cruzeiro vende 60 mil ingressos para final com o Atlético
Artigo seguinteMegaFeirão Serasa e Desenrola é prorrogado até 20 de maio