Ipatinga vacina novos grupos de trabalhadores da educação contra Covid

A Prefeitura de Ipatinga dá sequência, nesta terça-feira (8), à vacinação contra a Covid-19 em trabalhadores da educação atuantes no Ensino Fundamental e que foram agendados pelos profissionais das Secretarias de Saúde e Educação. Os trabalhadores da rede municipal de ensino estão recebendo diretamente o comunicado, tendo em vista que já possuem cadastro disponível na Secretaria de Educação.

O município optou pelo escalonamento das imunizações, nesta segunda etapa de atendimento ao grupo, para garantir assistência mais rápida no local de vacinação e evitar aglomerações.

Até o momento, já foram aplicadas 79.649 doses de vacina no município, sendo 53.627 da primeira dose e 26.022 referentes à segunda.

Os profissionais da educação agendados devem comparecer na Policlínica Municipal (portão parte de trás), situada na rua Pedro I, sem número, bairro Cidade Nobre, seguindo a data e horário estabelecidos pela Secretaria de Educação. Os trabalhadores devem estar atentos às normas de segurança, usando máscara e guardando o distanciamento de no mínimo 1,5 metro.

EVOLUÇÃO

O município já vacinou os trabalhadores de creches e pré-escolas, das redes Municipal e Particular e das entidades conveniadas. As pessoas deste grupo que por algum motivo deixaram de receber a vacina serão comunicadas para novo agendamento.

Agora, seguem sendo vacinados os trabalhadores do Ensino Fundamental, Ensino Médio, da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Ensino Superior, conforme cronograma determinado pelas Secretarias de Saúde e Educação e disponibilizados previamente à Superintendência Regional de Ensino e aos órgãos que supervisionam as atividades da área educacional.

CONTINUIDADE

É importante ressaltar que o município de Ipatinga continua disponibilizando no site da prefeitura (www.ipatinga.mg.gov.br) o cadastramento das pessoas com comorbidade. A vacinação deste grupo está ocorrendo em paralelo com os trabalhadores de educação, mas em locais diferentes: pessoas com comorbidade, nas Unidades de Saúde, e profissionais da Saúde da rede privada e autônomos, no Hospital Municipal Eliane Martins (HMEM).

próximo artigoUsiminas retoma “Aventura no Viveiro” nas comemorações Dia do Meio Ambiente
Artigo seguinteBoletim Epidemiológico de Ipatinga 07/06