A pasta de dente com flúor é importante para diminuir a prevalência de cárie dentária. Todas as pessoas apresentam, em algum grau, perdas de minerais (desmineralização) dos dentes devido às flutuações do pH oral. Entretanto, o indivíduo exposto à alimentação não adequada, com excesso de açúcares e alimentos ultraprocessados e higiene bucal dificultada apresenta esse processo de perda dos minerais do dente ocasionando a cárie. Por isso, é importante que se utilize pasta fluoretada todos os dias durante a higiene bucal. 

No Brasil, o flúor foi incorporado na pasta de dente a partir de 1988. Na semana do Dia Nacional da Saúde Bucal, o Ministério da Saúde esclarece que ele age como protetor das superfícies dentárias uma vez que, na sua presença, a desmineralização é dificultada, recompensando o retorno de minerais ao dente.

No momento da escovação, orienta-se que seja utilizado dentifrício fluoretado com no mínimo 1.000 ppm de flúor, pois os cremes dentais fluoretados são apontados como um dos fatores responsáveis pelo declínio da cárie dentária nos países desenvolvidos e no Brasil.

No entanto, para apresentar efeito anticárie, o fluoreto deve estar presente numa formulação quimicamente ótima, garantindo uma concentração mínima que tenha potencial para o controle da cárie dentária (Nota Técnica nº 1/2020 – CGSB/Desf/Saps/MS).

A ingestão de flúor em dosagens recomendadas pela legislação é segura. Ressalta-se que a ingestão crônica de flúor durante o desenvolvimento dos dentes pode levar à Fluorose Dentária, que se manifesta com mudanças visíveis de manchamento dentário.

Fique atento

Por outro lado, o flúor consumido em excesso apresenta toxicidade aguda ou crônica. A toxicidade aguda seria a resposta ao consumo de alta dosagem de flúor de uma única vez, quando, por exemplo, a criança consome altas quantidades de pasta de dente.

Por isso, é importante que a escovação seja realizada pelos responsáveis adultos até os 10 anos de idade, sempre atentos à quantidade correta de pasta dental a ser utilizada conforme a “Diretriz para Prática Clínica na Atenção Primária à Saúde: Higiene Bucal na Infância”.

Nathan Victor
Ministério da Saúde

próximo artigoCasal é agredido em assalto com coronhadas no bairro Bethânia em Ipatinga
Artigo seguinteUsipa é campeã do torneio da Amizade SUB-10
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários