Ministério Público vai recomendar fiscalização de “trenzinhos da alegria” em Ipatinga

O Ministério Público quer uma fiscalização efetiva dos “trenzinhos da alegria em Ipatinga. O promotor de justiça, Jonas Monteiro, anunciou ao ZUG que vai enviar uma recomendação aos órgãos púbicos da cidade para que a atividade desses veículos seja acompanhada com rigor. A decisão do promotor é um desdobramento do caso em que um animador de um trenzinho da alegria morreu atropelado pelo veículo em novembro de 2021. Na semana passada, o Ministério Público denunciou o condutor do trenzinho por homicídio culposo. Segundo o promotor, foi apurado que houve por parte do motorista negligência, imprudência, inobservância do dever de cuidado com os passageiros e animadores. Clique e entenda todos os detalhes do caso.

próximo artigoReino Unido ignora ameaças de Putin e fornece mísseis a Kiev
Artigo seguinteServidores do INSS retornam hoje ao trabalho presencial