Em Fabriciano, foram 1637 demissões contra 1975 admissões, ou seja, o mercado contratou mais que demitiu, criando assim 338 novos postos de trabalho na cidade. Os dados são do CAGED, Cadastro de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho.

próximo artigoConselho promove entrega da Medalha de Mérito do CAM
Artigo seguinteUsipa lança Escola de Futsal no RIC
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários