Sebrae Minas realiza seminário Mães Empreendedoras no Vale do Aço 

A venda dos ingressos será direcionada para compra de itens de higiene pessoal para doação a uma instituição social da região

Um estudo do Sebrae Minas aponta que a maternidade é um fator relevante para sete em cada dez mães que decidiram empreender. A possibilidade de ter mais independência e um horário de trabalho mais flexível é o principal benefício percebido pelas mães empreendedoras (33%), contra 19% dos pais. Com o intuito de levar conhecimento por meio de temáticas que contribuam para o fortalecimento e crescimento de negócios liderados por mulheres na região do Vale do Aço, o Sebrae Minas, com apoio da Associação Coisas de Mãe, Bemisa e da Fundação Aperam Acesita, realiza o “Seminário Mães Empreendedoras”, no dia 14 de maio, às 8h, no teatro da Fundação Aperam, em Timóteo.   

As inscrições podem ser feitas na plataforma Sympla, com vagas limitadas. A venda dos ingressos será destinada para compra de itens de higiene pessoal de mulheres, os quais serão doados a uma instituição social da região. 

O evento inclui três palestras em sua programação:  “Por que empreendedorismo feminino?”, “Imagem pessoal e autocuidado” e “Gestão do tempo e produtividade”. Para a analista do Sebrae Minas Vanessa Silva, a iniciativa busca promover um momento de aprendizagem criativa e troca de experiências entre as mães empreendedoras.  

“Sabemos que conciliar a rotina empreendedora, às atividades da maternidade, é uma tarefa desafiadora, quase não sobra tempo para capacitações. Essa é a realidade de muitas mulheres. O seminário tem como objetivo oportunizar a elas um momento dedicado ao autocuidado, somado a conteúdos que auxiliem em seu dia a dia à frente da gestão do negócio.”   

Apoiadores 

A Associação Coisas de Mãe surgiu no Vale do Aço em 2019, após a idealizadora, Priscila Marques, perceber a necessidade de uma iniciativa que apoiasse mulheres no retorno ao trabalho após a maternidade. O projeto, que conta atualmente com 138 mães associadas, atua na organização de feiras de artesanato e oferece atividades de capacitação, além de divulgação dos empreendimentos delas nas mídias sociais. “O seminário é uma grande conquista para o projeto e também uma oportunidade para as mulheres adquirirem conhecimento”, acredita Priscila.  

Para os representantes da Fundação Aperam Acesita e da Bemisa, ações que promovem o empreendedorismo feminino são necessárias, diante de um cenário crescente de mães que desejam ter o seu próprio negócio.  

“Nós apoiamos essa iniciativa junto ao Sebrae Minas, pois acreditamos que empreender vai além de simplesmente abrir um negócio. É ter uma visão diferente para olhar em sua volta e avistar novas oportunidades”, diz o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino. 

“A Bemisa acredita no potencial do empreendedorismo feminino e comemora essa parceria. Queremos levar conhecimento e troca de experiência às mães empreendedoras do Vale do Aço”, acrescenta o gerente de Relações Institucionais da Bemisa, José Guilherme Ramos.  

Seminário Mães Empreendedoras 

Data: 14 de maio 

Horário: 8h  

Investimento: R$ 15,00 

Local: Teatro da Fundação Aperam Acesita (Alameda Trinta e Um de Outubro, 500 – Centro, Timóteo) 

Inscrições: https://www.sympla.com.br/seminario-maes-empreendedoras__1551360?token=f35d4b6e622309fafd7a276b042e3186  

Programação: 

– Palestra “Por que empreendedorismo feminino?” 

– Palestra “Imagem pessoal e autocuidado” 

– Palestra “Gestão do tempo e produtividade” 

próximo artigoPetrobras aumenta em 8,87% preço do diesel
Artigo seguinteJúri popular julga hoje homem que matou e enterrou a mãe no quintal de casa em Santana do Paraíso