Procon de Ipatinga prepara servidores para integração a sistema nacional

Imagem Internet

Diretoria, conciliadores e todos os técnicos de atendimento do Procon de Ipatinga participaram, nos últimos dias, da última etapa de preparação para que o órgão de defesa do consumidor, ligado à Prefeitura de Ipatinga, possa se integrar ao Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec).

Eles receberam um curso de capacitação em dois módulos, por meio de uma plataforma de educação mantida pelo Ministério Público. Os servidores foram instruídos sobre a utilização e administração do sistema que em breve começará a funcionar em Ipatinga.

O secretário de Segurança e Convivência Cidadã (Sescon), pasta à qual o Procon é vinculado, Amador Francisco Neto, explica que o Sindec é um programa integrado em rede, com ações e informações da defesa do consumidor. As bases de dados são em níveis nacional e estadual. Procedimentos padrões de atendimento ao consumidor e de tramitação de processos estão disponíveis aos municípios interligados.

“Informações que envolvem os Procons de todo o país são compartilhadas, facilitando a elaboração de cadastros a partir de reclamações fundamentadas, com base no Código de Defesa do Consumidor. Com essa integração, as reclamações registradas no Procon de Ipatinga serão visualizadas nacionalmente. Isso representa um ganho para os consumidores, que poderão conhecer quem respeita os direitos do consumidor no município”, explica Amador, comentando ainda que agora os servidores do órgão estão aptos a desenvolverem o sistema.

Com a integração do Procon de Ipatinga ao Sindec, haverá a diminuição do número de processos administrativos abertos, já que o sistema possibilita a ampliação de acordos entre as partes, gerando consequentemente economia em papéis, tinta, Correios, entre outros. O tempo de espera pela resolução dos casos também será reduzido.