Objetivo é oferecer um espaço de aprendizado e troca de experiências, onde as grávidas possam adquirir conhecimento e confiança para vivenciar a maternidade

A Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e com apoio da Gestão de Políticas Públicas para Mulheres – vinculada à Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), realiza na próxima semana o 1º Seminário para Gestantes, intitulado “A Jornada Materna: emoções, amamentação e cuidados com o bebê”. O evento está marcado para o dia 20 de junho (quinta-feira), às 13h, no auditório do Hospital Municipal Eliane Martins (HMEM).

“A gestação é um período de transformações intensas e desafios únicos na vida de uma mulher. Para apoiar e preparar as futuras mamães, um seminário voltado para gestantes se torna essencial”, afirmou a enfermeira Eveline Maciel, referência em Saúde da Mulher, no Departamento de Atenção Básica (DAB).

A equipe organizadora salienta que o objetivo do seminário é oferecer um espaço de aprendizado e troca de experiências, onde as gestantes possam adquirir conhecimento e confiança para vivenciar a maternidade. O evento busca tratar de questões importantes, como saúde emocional das genitoras, esclarecer dúvidas e compartilhar práticas recomendadas para o cuidado com o bebê, garantindo que as futuras mães se sintam mais preparadas e seguras para essa nova jornada.

Para abordar os temas propostos, o seminário contará com palestras de psicólogo, enfermeiro e pediatra. “A participação em um seminário para gestantes é um investimento valioso no bem-estar da mãe e do bebê. Ao reunir profissionais especializados em psicologia, enfermagem e pediatria, o seminário oferece um suporte abrangente que aborda as necessidades emocionais e práticas das futuras mães”, salientou o secretário de Saúde do município, Walisson Medeiros.

Inscrição

Para participar, basta ser uma gestante e residir em Ipatinga. O evento é gratuito e a inscrição deve ser feita na Unidade Básica de Saúde (UBS) de referência da gestante ou em um dos cinco Centros de Referência de Assistência Social – CRAS da cidade.

próximo artigoUsiminas recebe encontro da ABM para discutir saúde e segurança
Artigo seguinteRação para cães e gatos são diferentes e influenciam na qualidade da alimentação
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários