Somente nos últimos meses, foram executados 28 projetos de melhorias das condições de luminosidade existentes e, também, extensões de rede de energia elétrica, atendendo diversas regiões    

Partindo da premissa de que uma cidade iluminada é mais segura e, assim, a prática da criminalidade também é inibida, garantindo aos munícipes mais liberdade para frequentar e transitar pelos espaços públicos, a Prefeitura de Ipatinga vem trabalhando com objetivo de ampliar e potencializar a rede de energia elétrica em áreas de maior circulação de pessoas, priorizando o atendimento a demandas antigas da população.

Cumprindo o cronograma do primeiro trimestre, o Executivo entregou mais um trabalho concluído nesta quarta-feira (15). Em relação a este trecho específico, os serviços eram aguardados há praticamente meio século, tendo em vista que o elevado fluxo de veículos e pedestres pela região remonta aos tempos do início de operação da Usiminas. “A maximização e melhoria das condições de iluminação num trecho de 3 km das avenidas Fernando de Noronha e Pero Vaz de Caminha, no Bom Retiro, é uma grande conquista, celebrada principalmente pelos moradores e operários que circulam diariamente por ali, indo e vindo do trabalho. Muitas pessoas também utilizam aquela região em bicicletas ou se exercitando em caminhadas e corridas”, destaca o prefeito Gustavo Nunes.

“O atendimento a essa demanda é uma reposta a uma antiga solicitação da comunidade e trouxe mais segurança e qualidade de vida, além de serem as luminárias em LED mais eficientes e econômicas”, destacou o secretário adjunto de Obras Públicas, Rafael Bueno, sobre o trabalho de extensão de rede elétrica nas duas vias.

DEZENAS DE AÇÕES

Somente nos últimos meses, foram 28 novos projetos de iluminação pública executados no município, sendo atendidas oito quadras poliesportivas com substituição de luminárias de vapor de sódio por LED. Foram efetivados dez projetos de extensão de rede distribuídos nos seguintes bairros da cidade: Cariru, Bethânia, Pedra Branca, Jardim Panorama, Forquilha, Bom Jardim, Ideal, Caravelas, Iguaçu, Parque Ipanema, Imbaúbas, Canaãzinho, Veneza, Vila Celeste, Vila Militar, Barra Alegre, Limoeiro e Novo Cruzeiro.

De acordo com a secretaria responsável, a prioridade do governo é dar agilidade no atendimento às demandas de iluminação pública por toda a cidade, cumprindo determinação do chefe do Executivo. No cronograma de execução, as ciclovias e escadarias também têm prioridade. Paralelamente, estão sendo incrementadas ainda as rondas diurnas para verificação de lâmpadas acesas de dia e apagadas durante a noite, substituição ou reparo nos equipamentos e acessórios com defeito que estejam causando alguma inconformidade no sistema de iluminação pública, limpeza das luminárias, além de serviço de poda de árvores para melhoria da iluminação pública quando necessário.

próximo artigoEquipe Embasil/Usipa disputa o Campeonato Mineiro de Atletismo Sub-20
Artigo seguinteIpatinga recebe, no Centro, o projeto “Sistema Fecomércio MG na Rua”