Pesquisa de Satisfação Ambiental mostra bons resultados

Nos primeiros meses de 2021, a Usiminas realizou a terceira rodada do Estudo de Percepção da População de Incômodo Causado Pelas Partículas Sedimentáveis. Essa ação faz parte do termo de ajustamento de conduta assinado entre a Usiminas e o Ministério Público, por meio do qual a empresa se compromete a reduzir a emissão das partículas sedimentares oriundas de sua atividade na cidade de Ipatinga. Nessa rodada da pesquisa, foram ouvidos 1.140 moradores de 12 bairros vizinhos à Usina de Ipatinga.

Em cerca de um ano, o índice de pessoas que afirmam que a emissão está diminuindo subiu de 18% para 37%, e as que consideram que está aumentando caiu de 49% para 27%. Outro ponto a ser destacado é o aumento no nível de informação sobre as iniciativas da Usiminas. O número de pessoas que afirma conhecer as ações de preservação do meio ambiente adotadas pela companhia subiu de 10% para 20%. Já a confiança no sistema de monitoramento chegou a 41%, melhoria de 14 pontos percentuais em relação à segunda rodada do levantamento.

A empresa vem intensificando sua atuação ambiental e além de iniciativas como a aplicação de polímeros em pilhas de materiais, instalação de canhões de névoa e lavador de pneus, a Usiminas adotou diversas outras medidas importantes na Usina de Ipatinga. Destaque para a Central de Monitoramento Ambiental, um sistema de ponta, implantado em sintonia com os objetivos sustentáveis das operações da companhia, que monitora as emissões 24 horas por dia, sete dias por semana.

Uma nova pesquisa de percepção com os moradores da região está prevista para o próximo mês de agosto.