A Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, iniciou nesta segunda-feira (05) e finaliza no próximo sábado (10) a etapa de pré-conferências de meio ambiente. Os encontros, que acontecem na Estação Qualifica, no Centro da cidade, reúnem representantes do poder público, de associações comunitárias, de entidades de classes científicas, empresariais, profissionais liberais, trabalhadores, ambientalistas e de sub-bacias.

Durante estes encontros, representantes de cada entidade discutem os problemas ambientais relacionados à cidade e ao seu segmento social, selecionando diretrizes como prioridades a serem discutidas na 13ª Conferência Municipal de Meio Ambiente, que será realizada no dia 24, na Câmara de Vereadores.

Cada entidade definirá também seus delegados, totalizando 72 (cada um com seus respectivos suplentes), os quais terão poder de voto para nomear 12 diretrizes que serão parte da política ambiental do município para o biênio 2018/2020.

Já na 13ª Conferência Municipal de Meio Ambiente, as entidades escolherão os membros para os Conselhos Municipais de Defesa Meio Ambiente (Codema) e de Gestão Colegiada da APA Ipanema. Ao todo, serão 18 membros efetivos e 18 suplentes e 17 efetivos com seus 17 suplentes, respectivamente.

Quatro eixos nortearão as discussões para a elaboração das diretrizes, e são eles: Coleta Seletiva, Fortalecimento da APA Ipanema, Arborização Urbana e Criação do Plano de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais.

Confira os dias, horários e locais das próximas pré-conferências:

DiaHorárioLocalPúblico-alvo
3ª feira (06/11)18h30Estação QualificaAssociações Comunitárias
4ª feira (07/11)15hEstação QualificaEntidades de classes empresariais, trabalhadores e profissionais liberais
5ª feira (08/11)15hEstação QualificaEntidade de ambientalistas
Sábado (10/11)9hIpaneminhaRepresentantes

de sub-bacias

 

próximo artigoTrês anos depois, atingidos pela tragédia em Mariana buscam apoio contra a depressão
Artigo seguinteCâncer de boca deve atingir 14,7 mil novos casos no país este ano