‘Fila Zero Odontologia’ irá atender demanda reprimida de 7 mil pessoas

A Prefeitura de Ipatinga vai iniciar nos próximos dias uma nova etapa do programa “Fila Zero”, desta vez atendendo os munícipes em demandas na área de odontologia. É o quinto estágio da iniciativa concebida pelo governo municipal visando eliminar inteiramente uma longa fila de espera nas mais diversas especialidades que há anos penaliza os moradores da cidade.

De acordo com a Secretaria de Saúde, a perspectiva é de que sejam atendidas cerca de 7 mil pessoas que têm necessidades odontológicas. A previsão é de que os trabalhos iniciais aconteçam entre os dias 2 e 10 de setembro, no Centro Especializado Odontológico (CEO), na Policlínica Municipal.

Nesse primeiro período, os agendamentos serão feitos para as sextas e sábados, com a finalidade de atender um público já cadastrado e listado na fila de espera.  

De acordo com informações da Secretaria, serão atendidos em torno de 600 pedidos de próteses fixas, além de próteses removíveis, serviços de endodontia, periodontia e cirurgias odontológicas. “Com a eliminação da demanda reprimida, a perspectiva é de que haja mais celeridade para os novos atendimentos”, destacam técnicos da SMS.

O contato para agendamentos do “Fila Zero Odontologia” começou a ser feito pela gestão municipal na terça-feira (30). Posteriormente, todos os exames e atendimentos serão previamente agendados pelas próprias Unidades de Saúde, que entrarão em contato diretamente com os pacientes.

A Secretaria de Saúde de Ipatinga detalha ainda que, a partir do dia 10 de setembro, todos os atendimentos especializados serão feitos somente aos sábados. Contudo, durante a semana, além dos atendimentos já agendados, em horários eventualmente vagos serão realizadas avaliações bucais extras.

De acordo com o secretário da pasta, Cléber de Faria, a iniciativa tem como objetivo incrementar ainda mais as ações voltadas à saúde, que são prioridade na administração municipal. “Para dar mais celeridade e eficiência ao atendimento, o governo municipal investiu na operacionalização do ‘Fila Zero’ por especialidades. Temos conseguido grandes avanços com a continuidade do programa, e estamos cada vez mais buscando promover uma melhor atenção à Saúde dos ipatinguenses. Agora, com os serviços bucais, além dos procedimentos clínicos ofertaremos ações que efetivamente promovam saúde e qualidade de vida, trabalhando de forma interdisciplinar”, explicou o secretário.

próximo artigoHoje é Dia: veja datas e feriados de setembro de 2022
Artigo seguinteMinistro do Meio Ambiente anuncia repactuação de acordo de Mariana