TRE condena Carla Zambelli por propaganda eleitoral irregular em São Paulo

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) condenou a candidata à reeleição Carla Zambelli (PL) por propaganda eleitoral irregular. O motivo foi um ônibus “envelopado” com um adesivo da deputada federal, que vai contra a limitação do TSE, que só permite o uso de adesivos em automóveis a uma área de 0,5m². Nas redes sociais, Zambelli chamou o ônibus de “Expresso da Liberdade”.

O irmão da congressista, Bruno Zambelli (PL), candidato a deputado estadual, também foi condenado pela Justiça. A denúncia foi feita pelo postulante à Câmara dos Deputados, Cristiano Beraldo (União Brasil), e foi acatada pelo magistrado Regis de Castilho Barbosa Filho.

Os condenados têm um prazo de dois dias, contados a partir da decisão (3), para retirar o adesivo irregular do ônibus. Caso a ordem judicial não seja cumprida, terão de pagar uma multa diária de R$ 1.000. Até o momento, os irmãos Zambelli não se pronunciaram sobre o caso.

próximo artigoSem vencedores, Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 60 milhões
Artigo seguinteDiante da maior tensão desde a redemocratização, Moraes blinda ainda mais processo eleitoral