Brasil terá centro de pesquisa em terapias avançadas de saúde

Ministério da Saúde vai investir R$ 15 milhões em uma Instituição Científica, Tecnológica e de Inovação (ICT) para desenvolver processos e plataformas tecnológicas nacionais em terapia gênica, terapia celular avançada e engenharia tecidual. A chamada pública para a seleção da instituição, aberta nesta quarta-feira (31), é uma parceria da Pasta com a Associação Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).

A Instituição será credenciada como Centro de Competência em Terapias Avançadas do Programa Genoma Brasil com o objetivo de ampliar e fortalecer competências para a pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica, de desenvolver produtos de terapias avançadas (PTAs), além de formar e capacitar profissionais.

“Para mim, inovação em saúde é fazer com que todos os brasileiros tenham acesso a tratamentos adequados para reduzir a mortalidade. Essa parceria pode resultar em efetividade e em custo-efetividade para que o nosso sistema único consiga suportar os custos crescentes das inovações”, destacou o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Parceria

A iniciativa é um importante marco para o desenvolvimento de competências tecnológicas e produtivas no setor da saúde de precisão no Brasil, um dos objetivos do Programa Nacional de Genômica e Saúde de Precisão – Genomas Brasil, coordenado pelo Ministério da Saúde.

O Programa contribui para o entendimento das variações genômicas típicas da população brasileira, possibilitando, futuramente, a implementação de diagnósticos precisos, estratégias de prevenção e tratamentos personalizados no Sistema Único de Saúde (SUS). Dessa forma, será possível, por exemplo, identificar suscetibilidades da pessoa em desenvolver determinadas doenças antes mesmo dos primeiros sintomas aparecerem.

Podem se candidatar como Centro de Competência os grupos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) pertencentes a qualquer Instituição Científica, Tecnológica e de Inovação (ICT) brasileira. O grupo deve ser constituído como uma unidade de pesquisa e desenvolvimento em terapias avançadas, de acordo com as definições constantes na normatização da Anvisa.

Genomas Brasil

O Programa Genomas Brasil, instituído em agosto de 2020, é uma iniciativa de ciência, tecnologia e inovação coordenada pelo Ministério da Saúde para estruturar a implementação da saúde de precisão e personalizada no SUS. Para isso, o projeto vai sequenciar genes de portadores de doenças raras, cardíacas, câncer e infectocontagiosas, como a Covid-19. A escolha das doenças que fazem parte das pesquisas levou em consideração a quantidade de casos no país e o custo gerado para o SUS.

Ministério da Saúde

próximo artigoMinistra do TSE restringe propaganda eleitoral com primeira-dama
Artigo seguinteMinistério da Saúde lança guia para diagnóstico de anomalias congênitas no pré-natal e ao nascimento