Suposto ex-companheiro do sacerdote divulgou o caso nas redes sociais e gerou repercussão na Igreja Católica

A Diocese de São João del-Rei afastou um padre acusado de manter um “relacionamento abusivo” com um homem. O religioso atuava no distrito de Macuco de Minas, em Itumirim, no Centro-Oeste de Minas Gerais. O suposto ex-companheiro divulgou o caso nas redes sociais e acusou o sacerdote de o obrigar a participar de orgias, que teriam acontecido dentro da igreja.

O afastamento, assinado pelo bispo Dom José Eudes Campos do Nascimento, foi publicado na última segunda-feira (13 de maio). No decreto, a decisão é justificada pela “divulgação de material, veiculado nas mídias sociais, com conteúdo de denúncia” contra o sacerdote.

“Esse procedimento, apesar de muito doloroso, é necessário para que se possa alcançar o profundo e coerente discernimento diante das implicações práticas devidas às normas do Direito Canônico”, argumentou o bispo no comunicado, endereçado à comunidade.

próximo artigoBebê morre após chegar em hospital com lesões e queimaduras, e pais são presos em MG
Artigo seguinteAmérica: exposição gratuita reúne camisas históricas e itens raros; saiba como visitar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here