Incra destina imóveis rurais para assentar trabalhadores na BA e em MG

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) publicou hoje (9), no Diário Oficial da União, duas portarias para criar assentamentos de trabalhadores rurais na Bahia e em Minas Gerais.

A Portaria nº 1.150 destina a Fazenda Barreiro/Ambrósio, com área de 452,5 hectares, no município de Unaí, em Minas Gerais, para criação de 16 unidades agrícolas familiares.

A Portaria nº 999 destinou a Fazenda Renata e outras, com total de 9,8 mil hectares, localizadas nos municípios de Itapicuru e Ribeira do Amparo, na Bahia, para criação de 233 unidades agrícolas familiares.

Com a publicação, fica autorizado o processo de seleção das famílias, com lançamento de edital de abertura para chamamento dos interessados, seguido de inscrição da unidade familiar perante o Incra.

As prefeituras serão comunicadas da decisão para que façam a inclusão das famílias no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Fonte: Agência Brasil

próximo artigoPortaria libera R$ 169,2 mi para ensino médio integral em 9 estados
Artigo seguinteMinistro diz que governo está atuando para reduzir impostos e inflação