Um caça americano F-22 como o da imagem interceptou bombardeiros russos na costa do Alasca

A defesa aérea dos EUA afirmou nesta quarta-feira (10) ter interceptado quatro bombardeiros russos a 40 km da costa do Alasca, menos de duas semanas depois que bombardeiros americanos voaram sobre o Mar Negro.

Uma formação de bombardeiros estratégicos TU-05 “Bear” escoltados por dois caças e um avião de reconhecimento foi interceptada na manhã de hoje por caças americanos F-22 a cerca de 37 km da costa do Alasca, disse um comunicado do comando de segurança aérea dos Estados Unidos e Canadá.

Outra formação foi interceptada a cerca de 60 Km do Alasca. Enquanto isso, os aviões russos estavam no espaço aéreo internacional.

Em 29 de maio, Moscou divulgou imagens de dois bombardeiros americanos B-1 interceptados pela defesa russa após sobrevoar os mares Báltico e Negro, próximo à Rússia.

próximo artigoTransfusão de sangue em cães e gatos é o assunto do “Dicas e curiosidades para seu pet”
Artigo seguinteMais 105 ruas de Fabriciano receberão lâmpadas de LED; Com a nova etapa, serão mais de 7 mil pontos com nova iluminação