Os Estados Unidos anunciaram nesta quarta-feira (28) um novo pacote de armas e suprimentos de 1,1 bilhão de dólares para a Ucrânia para reforçar as forças de Kiev a médio e longo prazo. 

Os pedidos de fornecedores militares dos EUA incluem sistemas de mísseis e munições Himars, sistemas antidrones, radares e veículos blindados, de acordo com um comunicado do Departamento de Defesa.

As armas não se destinam às forças ucranianas que atualmente combatem os russos no sul e no leste, mas serão entregues a Kiev em alguns meses. 

Isso “demonstra o compromisso dos Estados Unidos de continuar apoiando a Ucrânia no longo prazo”, disse o comunicado.

O pacote divulgado representa “um investimento de vários anos em capacidades essenciais para fortalecer as forças armadas ucranianas em um momento em que defendem a soberania e o território da Ucrânia contra a agressão russa”, acrescentou o Pentágono. 

Com esta nova parcela, a ajuda militar de Washington à Ucrânia chega a 16,2 bilhões de dólares desde o início da invasão russa em 24 de fevereiro e 16,9 bilhões de dólares desde que o presidente Joe Biden assumiu o cargo em janeiro de 2021.

próximo artigoEleições: confira prazos previstos pelo TSE até o primeiro turno
Artigo seguinteFuracão Ian se fortalece e alcança categoria 4 em seu caminho para a Flórida