A temporada do Atlético começa nesta segunda-feira (8), às 15h (de Brasília), na Cidade do Galo. Com ela, um tabu incômodo do clube também se mantém e poderá ser marcada como o início da quebra de tal escrita.

São mais de 10 anos sem o Galo ter o mesmo técnico que começou a pré-temporada terminando o ano. O última na lista foi Cuca, que foi mantido após o vice-campeonato brasileiro, em 2012, e que começou a temporada de 2013, na qual se sagrou campeão da Copa Libertadores daquele ano.

Luiz Felipe Scolari estará na Cidade do Galo desde a manhã desta segunda-feira para começar os trabalhos de 2024. Ele chegou ao clube em junho, no decorrer da temporada passada, em substituição a Eduardo Coudet, que pediu demissão.

Apesar de ter sido eliminado na Libertadores pelo Palmeiras, o treinador conseguiu levar o Galo à terceira colocação no Campeonato Brasileiro, com a equipe alvinegro tendo chances de título até a última rodada do Brasileirão.

Desde o final de 2013, quando Cuca deixou o comando técnico do Galo para se transferir para o futebol chinês, o Galo teve 17 treinadores, entre efetivos e interinos.

Começaram as temporadas de 2014 para cá os técnicos Paulo Autuori, Levir Culpi (2015), Diego Aguirre (2016), Roger Machado (2017), Oswaldo de Oliveira (2018), Levir Culpi (2019), Rafael Dudamel (2020), Lucas Gonçalves (2021), Turco Mohamed (2022) e Eduardo Coudet (2023).

próximo artigoLula reforça importância da memória para garantir democracia
Artigo seguinteDe volta ao Cruzeiro, Lucas Romero se despede do León: ‘Foi um orgulho’