Cada time poderá relacionar, por partida, até nove atletas de fora do país na Série A

Com os reforços que estão para serem registrados pelo Cruzeiro, o time profissional chegará a oito jogadores estrangeiros, número próximo ao limite permitido nos jogos do Brasileirão Série A. Mas isso não significa que o clube está proibido de ter ainda mais gringos no elenco.

Em 2024, os clubes aprovaram, junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o aumento do máximo de sete para nove estrangeiros por equipe. Isso significa que cada clube só poderá relacionar até nove atletas de fora do país por jogo — não impedindo que haja mais no grupo em sua totalidade.

O volante paraguaio Fabrizio Peralta e o atacante argentino Lautaro Díaz chegarão para fazer companhia ao zagueiro Lucas Villalba (ARG); lateral-direito Helibelton Palacios (COL); volante Lucas Romero (ARG); volante José Cifuentes (EQU); ponta Álvaro Barreal (ARG); e centroavante Juan Dinenno (ARG).

Desses, Villalba e Barreal estão emprestados até o fim da temporada — do Argentinos Juniors e do Cincinnati, respectivamente. Já Palacios, com contrato até 2025, pode ser negociado em breve.

 

próximo artigoDesfalcado, América visita Goiás para retomar a liderança da Série B
Artigo seguinteAtlético leva vantagem sobre Flamengo nos últimos duelos do Brasileirão
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários