Cruzeiro quer manter bom retrospecto contra o Vasco em jogos pelo brasileirão

Quando entrarem em campo neste domingo, às 19h, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, Cruzeiro e Vasco estarão se enfrentando pela 98ª vez em toda a história do confronto. O time celeste leva vantagem sobre o adversário carioca no retrospecto geral com 35 vitórias, 31 empates e 31 derrotas. O Cruzeiro marcou 146 gols e sofreu 126.

Pelo Campeonato Brasileiro, as equipes se enfrentaram 59 vezes, desde 1967. Foram 22 vitórias do Cruzeiro, 20 empates e 17 vitórias do Vasco. A artilharia estrelada marcou 89 gols enquanto o rival regional balançou as redes 71 vezes.

Em Minas Gerais, o duelo aconteceu em 51 oportunidades, com 22 vitórias do Cruzeiro, 18 empates e 11 vitórias do Vasco. A Raposa marcou 82 gols e sofreu 61. Pelo Campeonato Brasileiro, ainda em território mineiro, foram 30 partidas, com 12 vitórias do Cruzeiro, 12 empates e seis vitórias do Vasco. A Raposa marcou 49 gols e sofreu 34.

No Mineirão, local da partida, os times se enfrentaram 36 vezes. O Maior de Minas ganhou 17 deles, empatou 14 e perdeu cinco, com 63 gols marcados e 37 sofridos. No Gigante da Pampulha, local do jogo neste domingo, pelo Brasileirão, houve 26 confrontos, com 11 vitórias da equipe mineira, 11 empates e cinco triunfos do adversário, que fez 29 gols, enquanto a Raposa marcou 45.

Artilheiros do Cruzeiro diante do Vasco:

5 gols – Marcelo Ramos
4 gols – Cleison
3 gols – Deivid, Sassá e Tostão
2 gols – Alcides, Alex, Charles (1991), Charles (2008 e 2015), Diego Clementino, Dirceu Lopes, Dirceu Pantera, Edenilson, Edu Dracena, Fábio Júnior, Geovanni, Geraldino, Guilherme (2007), Leandro Damião, Lucas Silva, Maldonado, Montillo, Muller, Nelinho, Ninão, Palhinha, Palhinha (1996), Paulo Roberto, Pelau, Ramires, Roberto Gaúcho, Roger, Thiago Neves e Willian