Cruzeiro: pedido de suspensão de eleição é negado

Na manhã desta segunda-feira (28), a juíza Marcela Maria Pereira Amaral Novais negou a liminar com o pedido de suspensão da eleição do conselho cruzeirense, que irá acontecer no dia 2 de janeiro. Essa eleição escolhe os conselheiros efetivos e suplentes do clube.

A decisão foi baseada na crença de que os associados não possuíam argumentos o suficiente para suspender a eleição, que acontece no dia do centenário celeste.

Somente uma chapa irá concorrer ao pleito: a “Novo Cruzeiro”. O Presidente que irá assumir o clube no ano que vem, Nagib Simões, combinou com Sérgio Santos, Presidente atual, que cada um indicaria 110 conselheiros, totalizando 220 nomes. Fora estes efetivos, a chapa também conta com 110 conselheiros suplentes.

próximo artigoTreino do Palmeiras: Gabriel Veron tem lesão diagnosticada e Felipe Melo faz trabalho com bola
Artigo seguinteSorteio define dois últimos confrontos das quartas de final da Série D