Cruzeiro não venceu nenhum jogo desde que foi campeão da Série B

O Cruzeiro faturou o título da Série B do Campeonato Brasileiro com seis rodadas de antecedência. Com as derrotas de Grêmio e Bahia, no fechamento da 32ª rodada da competição, a Raposa conquistou a taça com recorde de antecipação – a marca anterior era do Corinthians, em 2008, que confirmou o título com seis rodadas de antecedência.

Apesar do técnico Paulo Pezzolano enfatizar que o elenco celeste irá manter o ritmo intenso até a última rodada, dentro de campo a situação é bem diferente. Diante do Ituano na última quarta (5), no Mineirão, a China Azul acompanhou pela primeira vez o time campeão da Segundona. No entanto, nem mesmo com o Gigante da Pampulha lotado, o Cruzeiro conseguiu superar o Galo de Itu, equipe que também não venceu no turno.

No último domingo (9) na partida contra o Sport, pela 34ª rodada da Série B, Pezzolano escalou um time alternativo, e acabou sendo superado pelo Leão da Ilha por 3 a 1. Com o desempenho abaixo da média, o time celeste sofreu o revés que interrompeu uma série invita de 16 jogos.

Durante entrevista coletiva, o uruguaio explicou que a opção por mesclar a equipe era devido ao desempenho de alguns atletas. “Tem alguns jogadores que estão cansados. Prefiro que não viajem. Se eu trouxer jogadores que estão cansados, tira espaço de meninos que estão buscando oportunidade também”, disse Pezzolano, incomodado com o baixo desempenho da equipe nos últimos dois jogos.

Nesta sexta-feira (14), o Cruzeiro enfrentará o Vila Nova, às 20h30, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia. Em mais uma partida fora de casa, a Raposa, para vencer o primeiro jogo após o título da Série B, terá que surpreende a equipe que tem o terceiro melhor aproveitamento do returno, atrás apenas do Ituano e do próprio Cruzerio.

próximo artigoCandidato ao 2º turno não poderá ser preso a partir de sábado
Artigo seguinteJovem é preso acusado de roubar estabelecimento comercial em Timóteo