A primeira pesquisa após o atentado contra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) mostra um crescimento nas intenções de voto para o político, Bolsonaro aparece na liderança com 30%.  A pesquisa mostra ainda que Ciro Gomes (PDT) se isolou na segunda posição com 12%. Marina (REDE) a caiu para a terceira colocação com 8%. O levantamento foi realizado pela FSB Pesquisa, que foi contratada pelo banco de investimentos BTG Pactual.

Geraldo Alckmin do PSDB que focou sua campanha em ataques ao candidato Jair Bolsonaro não emplaca e agora divide a quarta colocação com o Petista Fernando Haddad, ambos com 8%.

Álvaro Dias (PODEMOS) e Henrique Meirelles (MDB) e João Amoedo (NOVO) estão com 3% das intenções de voto, seguidos por Boulos (PSOL) que tem 1%.

A pesquisa encomendada pela FSB/BPG Pactual foi realizada entre os dias 8 e 9 de setembro e registrada no TSE com o número: BR-01522/2018.

Veja os números

Jair Bolsonaro (PSL)– 30%

Ciro Gomes (PDT) – 12%

Marina Silva (REDE)– 8%

Geraldo Alckmin (PSDB)– 8%

Fernando Haddad (PT)– 8%

João Amoêdo (NOVO)– 3%

Alvaro Dias (PODEMOS)– 3%

Henrique Meirelles (MDB)– 3%

Guilherme Boulos (PSOL)– 1%

próximo artigoEm debate, candidatos à Presidência são confrontados com casos de corrupção
Artigo seguinteIdeal representa o Boa na fase de grupos da Copa do Brasil Sub-17
0 0 votes
Classificação
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários