Hospital Márcio Cunha convoca doadores de sangue para reforçar estoque

Estoques baixos acendem alerta da necessidade de doações constantes

O novo coronavírus tem contribuído para os baixos estoques no setor de Hemoterapia do Hospital Márcio Cunha, administrado pela Fundação São Francisco Xavier. Uma das preocupações comuns nesse momento de pandemia é a segurança do doador de sangue e o serviço de Hemoterapia  do HMC tem se preparado reforçando medidas de higienização e prevenção.

O banco de sangue do HMC, que depende diretamente do apoio da população, tem sofrido o impacto direto por causa da pandemia. “Apesar  da  recomendação  das pessoas  evitarem ao máximo de virem  ao hospital, no caso da doação de sangue  o risco é minimizado , pois os doadores não têm contato com outros pacientes e tudo é feito de forma segura. Com o estoque do hospital vulnerável, há o risco de desabastecimento, principalmente de plaquetas, material essencial para pacientes que possuem alguma doença que dificulta a coagulação, como os pacientes oncológicos”, explicou a médica hematologista e responsável técnica pelo setor de Hemoterapia do HMC, Elisa Helena Gomes.

Para continuar doando sangue ou para se tornar um novo doador, é preciso fazer agendamento pelo telefone (31) 3829-9600. O setor funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 11h e das 15h às 18h.

São critérios para doação:

  • Estar em boas condições de saúde.
  • Ter entre 18 e 69 anos ou idade de 16 a 17 anos com o consentimento formal dos responsáveis legais.
  • Pesar mais de 52 kg.
  • Ter comportamento sexual seguro.
  • Não precisa estar em jejum para doar sangue.