Coronavírus: Ipatinga cria canal telefônico para pessoas com suspeita tirarem dúvidas

foto: divulgação

Com a finalidade de garantir uma assistência segura à população de Ipatinga no que se refere a pacientes com suspeita ou confirmação de infecção pelo coronavírus (covid-19), a Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria de Saúde, adotou um novo protocolo de atendimento que visa conter a disseminação da doença. A Administração municipal ampliou o efetivo do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Ipatinga pelo 192 e está adotando uma série de normas especiais via telefone.

Está aberto um canal telefônico de atendimento específico para esclarecimento de dúvidas, no período de 7h às 19h. Para colocar em prática a nova medida, médicos, técnicos de enfermagem e enfermeiros receberam capacitação na última quarta-feira (18) quanto aos procedimentos.

As ligações devem ser realizadas por pessoas que apresentarem algum sintoma de coronavírus. A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que os sinais mais comuns são: febre, tosse e dificuldade de respirar. Ainda conforme a agência especializada em saúde, alguns pacientes podem apresentar dores pelo corpo, congestão nasal, coriza, dor de garganta ou diarreia. Esses sintomas, geralmente, são leves e evoluem gradualmente.

A infectologista do município, Carmelinda Lobato, que ministrou a capacitação aos profissionais, explica que durante o atendimento telefônico (feito por uma enfermeira), o paciente, mediante as informações prestadas, será orientado sobre qual procedimento adotar em situações suspeitas. “Ele poderá ser orientado a ficar em isolamento domiciliar, procurar alguma Unidade Básica de Saúde (UBS) e, dependendo do caso, a ligação será direcionada a um médico regulador”, explicou a profissional.

Protocolos

Como todos os outros protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde, as diretrizes para o atendimento aos casos suspeitos ou confirmados de covid-19 têm início no momento em que a ligação entra no sistema. As normas também atingem o médico regulador e o transporte feito pelas equipes das Unidades de Suporte Básico (USB) ou Unidades de Suporte Avançado (USA).